fbpx
Garantia dos colchões - Sono Belo Colchões
660
post-template-default,single,single-post,postid-660,single-format-standard,woocommerce-no-js,animsition,ajax_updown_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,qode_popup_menu_text_scaledown,footer_responsive_adv,columns-4,qode-product-single-tabs-on-bottom,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12.1,vc_responsive
 

Garantia dos colchões

Garantia dos colchões

Um assunto que gera bastante dúvida sobre os colchões, é a garantia dada pelo fabricante.

Hoje vamos explicar para vocês quais os critérios para validação ou não da garantia.

 

O que a Garantia Não Cobre?
Colchões molas e espuma
A garantia não cobre:
1 – Preferência de conforto ou troca do modelo originalmente escolhido.
2 – Mofo ou emboloramento nos tecidos, uma vez que estes são causados exclusivamente por agentes externos, principalmente em locais úmidos ou pouco arejados.
3 – Produto sem a etiqueta de identificação com código de barras que é fixada no mesmo.
4 – Utilização do colchão fora do biótipo, ou seja, utilização por pessoas com peso acima do suportado.
5 – Quando o produto for utilizado NÃO respeitando as Instruções Gerais de Uso.
6 – Ocorrência de peeling (bolinhas) no tecido, já que o mesmo é ocasionado pelo contato com outros tecidos.
7 – O amarelamento do tecido/ espuma de revestimento é causado pela luz, sendo, portanto, um processo natural.
8 – Manchas, sujeiras, urinas ou queimaduras nos tecidos.
9 – Danos causados por acidentes, quedas, sinistros, ataque de pragas ou agentes da natureza.
10 – Pegadores: devem ser usados para posicionar o colchão e podem se soltar quando usados para suportar o peso total do colchão.
11- Aço de bordas que percorrem o perímetro do colchão e da base, se curvados ao mover ou transportar inadequadamente o conjunto.
12 – Uso de base ou cama inadequada.
13 – A medida de deformação na região central em relação às laterais (cabeceira/ peseira), em centímetros, deve ser no máximo 10%, em cada face, da espessura inicial do colchão, de acordo com a Norma da ABNT nº 15413-1/2.
14 – Maciez da Espuma (Fadiga Dinâmica) pode vir a perder de 20% a 30% de sua força original dentro do prazo de garantia do colchão conforme Norma ABNT nº 13579-1/2.
15 – Deformação Permanente: a espuma pode vir a perde de 6% a 12% de sua espessura original dentro do prazo de garantia do colchão conforme Norma ABNT nº 13579-1/2.

A garantia será invalidada nos seguintes casos:
1 – Má utilização do produto;
2 – Utilização do produto com a embalagem plástica;
3 – Utilização do produto em condições não adequadas de higiene;
4 – Utilização do produto em ambientes úmidos e sem ventilação;
5 – Apresentação de urina, ou outros elementos;
6 – Se apresentar qualquer tipo de mancha, mofo ou queimadura no produto.
7- Rasgos de qualquer espécie;
8 – Se o produto sofrer conserto de terceiros;
9 – Utilização em estado inteiriço, exceto se utilizado sobre um Box;
10 – Utilização de papelões ou similares entre o colchão e o estrado;
11 – Se a etiqueta do produto tiver sido retirada;
12 – Se o produto estiver violado;
13 – Posicionamento inadequado, tais como: cama menor que o colchão e vice-versa, quando o colchão é exposto a variações climáticas, deixar o colchão em pé, entre outros;
14 – Utilização do produto como assento;